Escritório híbrido: o futuro do trabalho | Safetec
(81) 3126-4100 [email protected]

Se antes o trabalho híbrido era visto como uma realidade para poucos, após a chegada da pandemia da Covid-19 ele ganhou bastante força. De início, a necessidade do isolamento social fez muitos escritórios experimentarem algo novo: ver toda sua equipe em home office. Mas depois que a poeira começou a baixar um pouco, o modelo híbrido começou a entrar em cena e deixar interrogações nas mentes de alguns gestores. Para outros, essa forma de trabalhar já se tornou uma certeza tanto para o presente quanto para o futuro.

Segundo uma pesquisa realizada entre dezembro de 2020 e janeiro de 2021 pelo Google Cloud, encomendada à consultoria IDC para entender os rumos da colaboração nas empresas brasileiras em meio à pandemia da COVID-19, 43% dos entrevistados afirmam que o modelo híbrido já foi definido pelas empresas onde trabalham como padrão após a pandemia.

Nas empresas que ainda não definiram como irão funcionar quando a pandemia acabar (33%), 59% dos colaboradores afirmam preferir este modelo, o que constata que a maioria dos trabalhadores possuem preferência por essa maneira de atuar.

 

Quais as vantagens?

Existem duas formas de implementar o trabalho híbrido: com a equipe alternando entre trabalhar em casa e no escritório ou ter parte da equipe em casa e parte no escritório. É importante deixar claro que nada impede que ambas as formas andem juntas. Dessa maneira, o primeiro fator de vantagem do modelo híbrido é justamente a flexibilidade. O relacionamento harmonioso entre o conforto da nossa casa e a convivência com nossos colegas de trabalho é a união perfeita.

Nesse modelo, todo mundo sai ganhando: o trabalhador pode, por exemplo, morar em Recife e trabalhar para uma empresa de São Paulo, enquanto uma empresa do Paraná pode quebrar as barreiras geográficas e trazer um grande talento para sua equipe, não importando onde ele resida, seja em outro estado do Brasil ou em outro país.

OUÇA:

 

Estrutura e tecnologia

Para fazer esse modelo de trabalho funcionar, é essencial que as empresas possuam as melhores tecnologias possíveis em ferramentas para que seus funcionários tenham toda a infraestrutura necessária para realizar seu trabalho de qualquer parte do mundo. Além disso, é importante destacar que de nada adianta ter a melhor tecnologia se você não sabe usá-la. O que alguém que não sabe dirigir pode fazer com uma Ferrari?

Por isso, após adquirir estas ferramentas, o próximo passo e o mais essencial de todos é capacitar toda a equipe para que cada membro tenha total domínio da tecnologia que utiliza.

Sobre isso, Karol Oliveira, Innovation Hacker da Optimize Group, especialista em transformação de empresas e conselheira de inovação, afirma: “Toda ferramenta de tecnologia, independentemente do nicho ou do setor, precisa ser também uma solução educativa. Porque eu vejo muitos sistemas maravilhosos que não são bem alimentados ou utilizados. Isso acontece porque não houve educação de como usá-los. Dessa forma, a tecnologia deixa de ser investimento e passa a ser um custo”.

Além disso, para que esse trabalho híbrido flua bem, Karol aconselha aos empresários que analisem bem os seus times, a fim de distribuí-los da melhor maneira possível:

“Analise o seu time dentro do seu setor e divida-o para entender quais equipes precisam estar presentes e quais podem trabalhar de maneira remota, utilize boas tecnologias e mantenha uma boa comunicação, criando um programa de interação para poder dar voz às pessoas e manter a inovação viva.”

Sobre a Safetec – A pernambucana Safetec, integrante do Porto Digital, e única parceira premier Google Cloud no Norte e Nordeste e especialista certificada em Transformação de Trabalho nível Enterprise e Educação, têm apenas um propósito: construir experiências incríveis utilizando soluções de colaboração e tecnologia em nuvem. Tanto na área corporativa quanto educacional, uma de suas principais missões é gerar Retorno de Valor para empresas e instituições de ensino, utilizando soluções simples, inovadoras e eficazes que impactem positivamente o ambiente de trabalho e levem a aprendizagem para além da sala de aula. Está presente no Recife, São Paulo, Fortaleza, Salvador e Belo Horizonte.

Saiba mais