O papel da tecnologia na nova era da educação | Safetec
(81) 3126-4100 [email protected]

Ao contrário do que muitos podem pensar, a transformação digital é algo que já vinha acontecendo antes mesmo da pandemia. O ponto-chave da questão é que antes da Covid-19 cada pessoa e cada empresa avançava rumo à digitalização no seu próprio ritmo, e, após a chegada do vírus, todo mundo foi praticamente “obrigado” a se equiparar. A pandemia não revolucionou nosso avanço tecnológico, ela apenas acelerou um pouco mais as coisas.

Como você já deve ter observado, o perfil das crianças e consequentemente dos alunos já vinha se transformando há algum tempo. Hoje os jovens já crescem totalmente familiarizados com a tecnologia, por manterem contato com ela desde muito cedo. Isso faz com que o modo de ensinar precise se adequar à linguagem deles.

 

Quais os benefícios da tecnologia na educação?

Por nascerem em um mundo que já é digital, estes novos alunos têm a expectativa de encontrar no ambiente educacional um modelo de ensino dinâmico, com aplicativos, vídeos, jogos e uma maior interação entre professores e estudantes. Por isso a tecnologia assume um papel tão importante nesta nova era da educação, pois ela torna o ato de aprender muito mais atraente.

Além disso, ela permite que o ensino seja feito de maneira mais personalizada, com base no perfil dos alunos. Assim, os professores podem oferecer aulas mais individualizadas, seguindo o ritmo de seus estudantes.

Outro lado positivo é a maior imersão no conteúdo. Quando unimos a leitura a outras ferramentas digitais, como os aplicativos e vídeos, o resultado do aprendizado é altamente potencializado. Por meio desses formatos variados de conteúdos, os estudantes conseguem assimilar de uma maneira muito mais densa as informações, mergulhando nos assuntos abordados em sala de aula. Dessa forma, o engajamento dos alunos tende a ser bem maior.

 

OUÇA:

 

Algo que é importante destacar é que a tecnologia não substitui, em hipótese alguma, o papel do professor. Ela deve ser enxergada como um facilitador. Por meio dela, ele pode expandir criativamente a maneira que passa seus conteúdos, usando artifícios que o aproximem de seus alunos, como as redes sociais.

Com o apoio da digitalização, os professores terão mais facilidade para estimular seus alunos, fisgando sua atenção e os deixando mais engajados não apenas na sala de aula, como também em casa. Uma ótima dica é criar grupos nas redes sociais para manter um contato mais próximo com os estudantes. Estes espaços são perfeitos para a resolução de dúvidas sobre os conteúdos abordados.

 

Desafios

Juntamente com as ilimitadas possibilidades de melhorias na construção do aprendizado, a tecnologia também traz novos desafios para os professores. A pandemia deixou isso bem claro. Num primeiro momento, o medo tomou conta da maioria dos profissionais, pois transportar a sala de aula totalmente para o ambiente digital era uma situação que eles ainda não tinham vivido. Dessa forma, a incerteza tomou conta de suas mentes com a seguinte pergunta: “será que eu vou conseguir?”

Isso aconteceu principalmente porque uma grande parcela dos educadores ainda não tem domínio das ferramentas digitais. Diante disso, ao mesmo tempo em que se viram na posição de professor, eles também se viram na de aprendizes. Assim, conclui-se que é preciso um maior apoio das instituições para capacitar esses profissionais e atualizar suas habilidades.

Além disso, é importante lembrar que nem só de belezas é formada a internet. Da mesma maneira que ela nos oferece muitos benefícios, também abre as portas para muito conteúdo que não agrega em nada. Em nosso Safetalk #015, Cynthia Michels, Incentivadora da Inovação Consciente e comunicadora, comentou sobre o assunto.

“Nós precisamos estar muito atentos, porque a internet é um tem de tudo. Ela tem o melhor do ser humano e o pior também disponível, e potencializado pela força da rede. Então temos dois tipos de relação da tecnologia com a educação: é preciso educar sobre o uso da tecnologia e também usar a tecnologia para educar. E essas duas ações precisam acontecer simultaneamente.”

Esse ponto e muitos outros são abordados no bate-papo que ela teve com André Gomes, do Time de Educação da Safetec. Na conversa, eles falam sobre os desafios enfrentados pelos profissionais da educação no uso da tecnologia e as melhores maneiras de utilizá-la para potencializar o aprendizado dos estudantes.

Para conferir o podcast na íntegra, clique no player localizado no meio do texto para ouvir.

Sobre a Safetec – A pernambucana Safetec, integrante do Porto Digital, e única parceira premier Google Cloud no Norte e Nordeste e especialista certificada em Transformação de Trabalho nível Enterprise e Educação, têm apenas um propósito: construir experiências incríveis utilizando soluções de colaboração e tecnologia em nuvem. Tanto na área corporativa quanto educacional, uma de suas principais missões é gerar Retorno de Valor para empresas e instituições de ensino, utilizando soluções simples, inovadoras e eficazes que impactem positivamente o ambiente de trabalho e levem a aprendizagem para além da sala de aula. Está presente no Recife, São Paulo, Fortaleza, Salvador e Belo Horizonte.

Saiba mais