Google Drive ou OneDrive: qual a melhor ferramenta na nuvem?
(81) 3126-4100 [email protected]

Quer escolher o melhor serviço de armazenamento em nuvem para sua empresa, mas não sabe se opta pelo Google Drive ou OneDrive?

O primeiro é do Google e o segundo da Microsoft. Como é de se esperar, cada ferramenta se integra bem com os outros recursos de suas respectivas criadoras.

O Drive foi lançado em 2012 e é um dos produtos que integra o Google Workspace, um hub de aplicativos empresariais e ferramentas de colaboração que conta com Docs, Meet, Formulário, entre outras soluções.

O OneDrive (antigo SkyDrive) foi criado pela Microsoft em 2007 e faz parte do Microsoft 365 que reúne outras ferramentas da empresa (pacote office, Skype, Cortana, entre outros), também voltada para negócios.

Com o armazenamento em nuvem disponível na sua empresa, sua equipe vai dar adeus aos pendrives e perrengues para imprimir documentos.

Além disso, o backup de arquivos estará protegido contra perdas e o acesso a pastas e documentos será melhor gerenciado, pois é possível limitar a visualização dos arquivos na nuvem.

Mas se os serviços são tão parecidos, qual o melhor? Google Drive ou OneDrive? 

É o que vamos responder neste artigo, comparando os principais pontos sobre as duas ferramentas e as vantagens oferecidas. Continue a leitura!

Google Drive ou OneDrive: comparativo

qual-melhor-google-drive-onedrive

Para facilitar a sua escolha, vamos fazer um comparativo para você poder decidir entre Google Drive ou OneDrive. 

Entre os principais critérios vamos comparar:

  • armazenamento;
  • preço;
  • segurança;
  • compartilhamento e integração.

Vamos lá!

Armazenamento

Um detalhe importante para fazer uma escolha acertada entre Google Drive ou OneDrive é conhecer o armazenamento que cada drive oferece.

Começando pelo Google Drive, as contas gratuitas possuem 15 GB de armazenamento disponível que é dividido entre o Gmail, o próprio Drive e o Google Fotos.

Já o OneDrive, oferece 5 GB no plano grátis disponível na categoria de “uso doméstico”, o que não inclui nenhum aplicativo do Office.

Para fazer um uso profissional da ferramenta, o recomendado é fazer a assinatura de um dos planos empresariais que ambas as empresas oferecem.

Aqui, vamos comparar apenas os planos de entrada, mas as empresas oferecem mais opções que se adequam tanto para times maiores quanto para times menores.

Ao assinar o Google Drive, a empresa não tem acesso apenas ao app de armazenamento e compartilhamento na nuvem. O plano inclui as outras ferramentas do Google Workspace como Meet, Documentos, Chat, Formulários, entre outros.

A capacidade de armazenamento sobe para 30 GB.

Já o plano OneDrive for Business (Plano 1) com compromisso anual tem capacidade de armazenamento de 1 TB.

Preço

Agora que você conhece as opções de entrada para Google Drive ou OneDrive, vamos aos preços desses planos iniciais.

Como mencionamos acima, com a contratação do Google Drive sua empresa tem a chance de começar uma experiência de gestão integrada.

O Business Starter — primeira opção entre quatro tipos de planos disponíveis — custa R$ 24,30 por usuário.

O OneDrive for Business (Plano 1) — também a primeira opção de quatro planos disponíveis da Microsoft — custa R$ 28,60 por usuário.

A proposta desse modelo de plano é permitir que as empresas contratem apenas a quantidade de contas necessárias.

Isso permite que os negócios atualizem seus processos e utilizem ferramentas que estão em alta no mercado.

Segurança

Para escolher qualquer serviço na nuvem, seja Google Drive ou OneDrive ou outra solução como um software SaaS, por exemplo, a segurança do sistema é essencial.

Os documentos, apresentações, fotos e outros tipos de arquivos precisam estar seguros e protegidos do ataque de hackers ou de roubo de informações.

No Google Drive, as configurações de segurança disponíveis para o plano Business Starter são:

  • verificação em duas etapas;
  • controles de políticas baseados em grupos;
  • programa Proteção Avançada;
  • gerenciamento de endpoints (cada dispositivo habilitado no sistema do Workspace é protegido).

Também existe a opção de criar um Drive de equipe, separado do Drive pessoal do usuário para facilitar o compartilhamento de arquivos e manter dados privados. 

No OneDrive, existe a tecnologia de criptografia de dados em trânsito e em repouso, ou seja, quando os documentos são compartilhados a criptografia não permite que as informações sejam lidas e nem quando estão armazenados no drive. 

.

Leia também >>> Google Drive: como usar offline e muitas outras dicas.

Compartilhamento e integração

Por fim, no nosso comparativo entre Google Drive x OneDrive temos as opções de compartilhamento e integração que cada serviço oferece.

No Google Drive, existe a opção de compartilhar uma pasta inteira ou apenas um arquivo. Os documentos podem ser compartilhados via link com diferentes permissões:

  • Leitor: quem recebe o link pode apenas visualizar o conteúdo dos arquivos ou pasta;
  • Comentarista: além de visualizar, a pessoa pode fazer comentários nos textos;
  • Editor: além de visualizar e comentar, também é possível alterar o conteúdo e fazer sugestões de revisão.

No OneDrive, também existe a possibilidade de compartilhar uma pasta ou um arquivo. Um detalhe interessante é a permissão de bloquear o download dos arquivos compartilhados quando quiser.

Além disso, também dá para definir a data de validade do acesso para arquivos e pastas compartilhados externamente.

Nos dois serviços, os arquivos podem ser compartilhados com pessoas da empresa ou de fora dela.

Em relação às integrações, o Google Drive tem plugins para Microsoft Office e Outlook

Então, se um colega edita um documento no Office, você recebe um aviso quando for sua vez de editá-lo. Também é possível programar e participar de reuniões agendadas em calendários do Outlook.

Já o OneDrive tem uma integração melhor com as ferramentas do Office da Microsoft, porém o plano de entrada não possui integração com os serviços nativos.

Google Drive x OneDrive: escolha e comece a usar!

Uma pesquisa do G2, uma plataforma de avaliações dos EUA, publicada em fevereiro de 2020, apontou que os usuários preferem o Drive aos produtos concorrentes como o OneDrive.

Em uma escala de 1 a 5, o Google Drive é avaliado com nota 4,7 e o OneDrive com nota 4,2.

Outro ponto importante é que o Google Drive funciona melhor como uma ferramenta integrada. Então, se a sua empresa quer padronizar as ferramentas usadas, assinar o Google Workspace é mais vantajoso e produtivo.

Leia o artigo ‘Quanto custa o Google Workspace? Conheça os planos!’ e avalie os custos do serviço. 

Para obter uma experiência similar no OneDrive, será necessário assinar o Microsoft 365 Business Standard, a opção mais premium, que dependendo do tamanho do seu negócio, pode estar além das necessidades.

A Safetec ajuda seu negócio a fazer a transição para um sistema de gestão mais integrado e produtivo que vai transformar a maneira da sua equipe trabalhar. Fale com nossos consultores!

Saiba mais