Safetalk Especial Clientes: TJ-AM - Como promover uma mudança no setor governamental? | Safetec
(81) 3126-4100 [email protected]

Um ranking global de competitividade digital das 63 economias cobertas pelo IMD World Digital Competitiveness Ranking 2019 mostrou que o Brasil ocupa a 57ª posição. Ou seja, no quesito tecnologia ainda temos muito para avançar, principalmente nos ambientes organizacionais, incluindo o setor público. O aumento nos investimentos em tecnologia na área pública têm mostrado que esse caminho pode trazer grandes resultados. Porém, boa parte dos desafios de implementação neste setor está relacionada às burocracias e barreiras impostas pela organização dos órgãos públicos.

Se compararmos esse avanço tecnológico das instituições privadas com as públicas, é possível perceber que estas demoraram um pouco mais para inovar e passar pela transformação digital. A inovação dentro das empresas é um passo essencial para o crescimento e produtividade dos colaboradores e da instituição. A pandemia do início de 2020 foi um forte fator para que algumas dessas instituições pudessem acelerar essa mudança no último ano, mas também para que não parassem de prestar serviços à sociedade.

Leia também: OS DESAFIOS DE PROMOVER UMA MUDANÇA TECNOLÓGICA NO SETOR PÚBLICO

Assim como as empresas privadas, que sentiram a brusca mudança da rotina de trabalho, as públicas também precisaram se adequar a esse novo formato, mas com uma diferença clara em relação ao mundo corporativo: o investimento em tecnologia. É o exemplo do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), órgão brasileiro do poder judiciário do estado do Amazonas com 61 comarcas. Foi um dos serviços que teve seu funcionamento ameaçado. A Corte decidiu, então, buscar uma solução para as dificuldades enfrentadas pelos servidores, foi preciso se reinventar desde o atendimento inicial aos cidadãos até a realização de audiências para poder continuar atuando em meio à pandemia. 

Ouça:

Segundo Rodrigo Camelo, coordenador de TIC do Tribunal de Justiça do Amazonas (TJ-AM), a instituição possuía dificuldade em garantir a realização de audiências, e a comunicação entre as comarcas do estado do Amazonas eram difíceis, devido às limitações geográficas. Em busca de melhor atender as pessoas que dependem das atividades do tribunal, a corte recorreu a uma solução paralela, que não atendeu às expectativas, até escolher migrar para o Google Workspace.

Foi então que eles passaram por uma trajetória de transformação digital e conseguiram se manter ativos durante toda a pandemia, bem como continuar os processos que estavam em análise através do Google Meet, e também manter a comunicação com as comarcas através das ferramentas do Google Workspace apesar da distância física. O Google Meet teve forte influência e esteve presente no home office de diversos setores, contribuindo para o seguimento das atividades e diminuindo os custos das empresas.

“Migrar para o Google foi o que permitiu que desembargadores e magistrados continuassem atuando”, afirmou Rodrigo no episódio do nosso Safetalk, programa quinzenal da Safetec que busca promover um debate sobre nuvem, transformação digital, Google e sobre a empresa.

A preocupação com a adaptação dos servidores, o armazenamento e compartilhamento de arquivos e a segurança são algumas questões que foram atendidas tranquilamente durante todo o processo. O Google Agenda foi um destaque na facilidade do manuseio ocasionando a interrupção de outra solução em desenvolvimento, que seria para gerenciar salas de conferências entre as unidades prisionais do Amazonas, assim como as informações da quantidade de horas passadas no Google Meet foram úteis para estipular a quantidade de horas de audiências que estão acontecendo são pontos destacados como conquistas nessa remodelação.

Assista:

Saiba mais sobre a experiẽncia do TJ-AM com a Safetec clicando aqui

Sobre a Safetec – A pernambucana Safetec, integrante do Porto Digital, e única parceira premier Google Cloud no Norte e Nordeste e especialista certificada em Transformação de Trabalho nível Enterprise e Educação, têm apenas um propósito: construir experiências incríveis utilizando soluções de colaboração e tecnologia em nuvem. Tanto na área corporativa quanto educacional, uma de suas principais missões é gerar Retorno de Valor para empresas e instituições de ensino, utilizando soluções simples, inovadoras e eficazes que impactem positivamente o ambiente de trabalho e levem a aprendizagem para além da sala de aula. Está presente no Recife, São Paulo, Fortaleza, Salvador e Belo Horizonte.

Quer saber como podemos ajudar a sua instituição a ter experiências incríveis como a do TJ/AM? Entre em contato com a gente!

Saiba mais