Seja líder de líderes: liderança em equipe de trabalho
(81) 3126-4100 cloud@safetec.com.br

Quem deseja dominar as técnicas de liderança e trabalho em equipe deve galgar um caminho de desenvolvimento pessoal.

Pelo menos esta é a opinião de Ram Charan, conceituado guru da gestão corporativa, e seu colega Stephen Drotter, autores do “Best Sellers” Pipeline de Liderança – Desenvolvimento de Líderes Como Diferencial Competitivo.

Nesta postagem, vamos entender os ensinamentos deste livro em que os autores defendem que a jornada do líder começa com a liderança de si mesmo, para evoluir para a liderança de equipes e, passando por vários estágios, finalmente chega ao ponto mais alto: a liderança de líderes.

Acompanhe com a gente estes conceitos e veja como fazer a sua influência sobre as pessoas e times evoluir até o mais alto grau desta escala de liderança e trabalho em equipe.

CTA-Salesforce-transforme-gerentes-de-vendas-em-líderes-de-vendas

Saiba mais: Colaboração: desenvolvendo trabalho em equipe em vendas

Os 3 estágios da liderança e trabalho em equipe

Alcançar a liderança em equipe de trabalho não é tarefa fácil. Hoje, com a ajuda de softwares colaborativos e da tecnologia em nuvem, isso pode (e deve) até ser facilitado com ajuda da TI.

Mas, para o desenvolvimento da liderança e trabalho em equipe, é preciso dominar uma série de habilidade e características pessoais ao longo de sua carreira.

Conheça as 3 fazes principais desta jornada e trone-se um verdadeiro conhecedor da liderança em equipe de trabalho.  

Veja também: Aprenda técnicas de liderança de equipe com um vencedor

1- Aprendendo a ser líder de si mesmo

A primeira coisa que qualquer colaborador que deseja desenvolver a liderança e trabalho em equipe deve entender é que ele começa sua carreira como um subordinado.

Ele deve provar que está hapto para cumprir este papel, dominando o conhecimento para o desempenho de sua função.

Ele segue regras, mas deve ser protagonista de seu crescimento, administrando adequadamente o seu tempo, a sua carreira e suas tarefas do dia a dia. 

O que este profissional deve ter em mente é se inspirar nos líderes que admira na empresa e observar como agem, para aprender a melhor manira de dominar as técnicas de liderança em equipe de trabalho pelo exemplo deles. 

Tratar de apresentar a estes líderes um excelente desempenho individual já pode ser uma boa ajuda na carreira.

Veja mais: 9 Box: entenda este critério de avaliação de desempenho

2- Como se tornar um líder de equipe

Quando chega ao nível de gerenciamento de equipes, o líder deve desenvolver uma série de habilidades voltadas agora para o grupo que comanda.

O foco sai das competências individuais e se transfere para o desenvolvimento das competências da equipe, em busca da colaboração necessária para que os resultados sejam alcançados com o auxílio de seus subordinados.

Assim, além de ter um maior controle dos processos, o líder é visto como um exemplo, que inspira e ajuda os membros do grupo a crescerem com ele dentro da empresa e na carreira profissional.

Nesse contexto, a liderança de equipe demanda as seguintes habilidades:

  • Saber lidar com as pessoas (inteligência emocional)
  • Gerenciar conflitos
  • Treinar e capacitar subordinados
  • Ser o exemplo
  • Habilidades de “coach” e aconselhamento
  • Saber delegar tarefas adequadamente
  • Escutar ativamente e observar
  • Dar feedback de forma natural, visando a evolução do indivíduo e do grupo

Inspire seu time: Mensagens motivacionais para trabalho em equipe

3- O líder dos líderes

Conforme a carreira executiva e de gestão evolui, chega o momento em que o líder não deve olhar mais para equipes de trabalho específicas, mas para os líderes dessas equipes.

Ser o líder dos líderes envolve ainda mais responsabilidade e o desenvolvimento de novas habilidades, com outro enfoque, mais estratégico e holístico, se afastando cada vez mais dos detalhes operacionais.

O primeiro ponto se refere a como se relacionar com estes líderes que comanda, com o objetivo constante de identificar, desenvolver e capacitar os novos líderes, para garantir o futuro da organização.

Além disso, é hora de ter confiança em si mesmo e ter a disposição de assumir riscos calculados, rompendo aquele instinto de auto preservação que muitas vezes nos impede de dar opiniões inovadores, com medo de se expor ao ridículo.

O líder deve mostrar os novos caminhos e abusar de seu poder de influência, de forma positiva, para persuadir seus líderes de área a seguirem o rumo que ele indica e inspirar, por sua vez, seu próprios liderados.

Acha que está preparado para assumir a liderança em equipes de trabalho? Em qual destes níveis você se encontra?

Se quiser conhecer ainda mais detalhes sobre a desafiante tarefa da liderança e trabalho em equipe, sugerimos esta postagem de nosso blog:

Confira: Sessão da tarde: filmes sobre liderança e o trabalho em equipe

Gostou das dicas de liderança de equipes do livro de Drotter e Charan? Então baixe este PDF de um resumo, disponibilizado pelo blog Afferolab.educacao.ws.

Saiba mais